Bate-papo com Bernardo Carvalho

0

No início de novembro, a BVL recebeu o escritor Bernardo Carvalho no programa Segundas Intenções. No encontro, conduzido pelo jornalista Manuel da Costa Pinto, o autor começou falando de seu livro mais recente,  Simpatia pelo demônio, muito elogiado pela crítica especializada. O título remete a uma música dos Rolling Sontes, Simpathy for the devil. Diferentemente do português, a palavra simpathy em inglês tem a ver também com respeito, consideração. Um nota explicativa no início da obra diz que a tradução não é um falso cognato, mas sim proposital. “Simpatia aqui é como se fosse amor, atração pelo demônio”, disse Carvalho

Seu novo romance trata justamente de uma relação amorosa perversa entre dois homens: o personagem principal, um brasileiro que trabalha numa agência humanitária, e um neurocientista mexicano envolvido num projeto de controle da violência através do olhar. Em meio à crise da meia-idade, o protagonista da história, pai de uma filha e em um casamento morno no qual não transa mais com a mulher, resolve reeditar uma paixão adolescente.

“Ele tem a consciência de que preciso disso para ficar vivo”, contou o escritor carioca. É como se o personagem reeditasse a vida por meio de um amor intenso e destruidor. Segundo Carvalho, quando se tenta renovar a juventude nesse momento da existência, o erro é querer reproduzir a intensidade do que já foi vivenciado. Veja o bate-papo completo com Bernardo Carvalho no vídeo.

 

 

 

Compartilhe

Deixe um Comentário